Atletas do Supino do Brasil
>>Translate Page<<
Quem está conectado
2 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Alisson

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 43 em Sex Dez 15, 2017 8:31 am
Servidor de Imagens
PARA ACESSAR CLIQUE NO ÍCONE ACIMA
Últimos assuntos
» Confederação Brasileira de Levantamentos Básicos - Calendário 2018
Seg Maio 21, 2018 7:44 pm por pitersigma

» Pedro Almeida
Qui Maio 17, 2018 5:48 pm por pitersigma

» Primeiro campeonato de supino reto e leg press 45º - Póa/SP - 28 e 29 de Abril de 2018
Dom Maio 13, 2018 9:21 pm por Alisson

» Feliz dia das mães
Dom Maio 13, 2018 8:17 am por pitersigma

» 42º Campeonato Brasileiro de Supino Raw e Equipado - Florianópolis/SC - (26 e 27 de maio de 2018)
Qua Maio 09, 2018 9:59 pm por Alisson

» Conjuntivite
Qua Maio 09, 2018 9:23 pm por Alisson

» Invente uma frase bonita para o fórum.
Dom Abr 29, 2018 8:01 pm por Alisson

» Emporio Ferracine Produtos Naturais
Dom Abr 29, 2018 7:13 pm por Administrador

» Saudações Supino Brasil
Qua Abr 18, 2018 7:01 pm por pitersigma

» VI Campeonato Fitness e Supino Raw DNA Fitness Academia - Itapecirica/MG - 30 de Junho de 2018
Ter Abr 10, 2018 10:15 am por Alisson

» Acompanhamento do meu treino em casa
Dom Mar 18, 2018 6:07 am por pitersigma

» Os segredos do Supino técnicas e treinos.
Dom Mar 18, 2018 6:05 am por pitersigma

» Fisiculturismo Londrina Open - Londrina - PR (07 de abril de 2018)
Ter Mar 13, 2018 5:33 am por Alisson

» Fisiculturismo Paulista Estreantes - São Paulo-SP (31 de março de 2018)
Ter Mar 13, 2018 5:30 am por Alisson

» Parabéns ao fórum novo recorde.
Sex Fev 16, 2018 2:37 pm por pitersigma

» VI Campeonato brasileiro de powerlifting raw (24 e 25 de março de 2018)
Sex Fev 16, 2018 2:35 pm por pitersigma

» Pâncreas artificial será testado em 2016 (informação atualizada em 05/01/18)
Sex Jan 05, 2018 3:04 pm por Administrador

» Suplemento alimentar terá regra mais simples e atual
Sex Jan 05, 2018 10:27 am por Alisson

» Feliz natal e um próspero ano novo.
Dom Dez 24, 2017 5:18 am por Alisson

» Topic'it APK - Mais facil conecçao com o forum e cadastro rápido. Entre direto com o facebook, Google ou Twiter.
Sex Dez 22, 2017 4:55 am por pitersigma

» Dicas de saúde, qual melhor posição para dormir.
Sex Dez 22, 2017 4:53 am por pitersigma

» 63º Mister Santos - Santos-SP (16 de Dezembro 2017)
Qua Dez 13, 2017 7:01 pm por Alisson

» 3º Campeonato de Supino Cross Over Suplementos - Valinhos-SP (16 de Dezembro 2017)
Qua Dez 13, 2017 6:46 pm por Alisson

» Campeonato De Supino Vipfitness 5ª Edição - Salto-SP (17 de Dezembro 2017)
Qua Dez 13, 2017 6:32 pm por Alisson

» I Festival Fitness e II Campeonato de Supino e Agachamento CCL - Lorena - SP (16 de Dezembro 2017)
Qua Dez 13, 2017 6:18 pm por Alisson

» A Manga e seus benéficios
Dom Dez 03, 2017 5:09 pm por Alisson

» Videos curiosos, inacreditavéis e engraçados
Sex Nov 24, 2017 9:26 am por Alisson

» 5 Benefícios da Couve e Suco detox (Video incluso)
Qui Nov 09, 2017 8:53 am por Alisson

» Marilense Eduardo Arenas Campeão supino e levantamento terra (deficiente físico)
Qua Nov 08, 2017 7:14 pm por Alisson

» Parabéns ao fórum
Dom Set 24, 2017 5:46 am por pitersigma

Parceiros

 Receitas Saudáveis


Sos eletrônica neves




Palavras chave

beterraba  gripe  entrevista  campeonato  


Dicas ajudam a reduzir efeitos de agrotóxicos

Ir em baixo

Dicas ajudam a reduzir efeitos de agrotóxicos

Mensagem por Alisson em Sex Fev 08, 2013 9:54 pm


Exposta no supermercado, aquela maçã de dar água na boca pode esconder uma prática nada saborosa: o uso de agrotóxicos na agricultura. Os aditivos químicos aumentam a produtividade no campo, reduzem o ataque das pragas nas plantações, destacam o colorido de frutas, legumes e folhas, mas têm um problema indigesto: sem controle, seu uso faz mal à saúde.


Para reduzir os efeitos prejudiciais, uma das alternativas que você tem é frequentar feirinhas de produtos orgânicos, cultivados sem agrotóxicos. “Diversos estudos demonstram que a aplicação dos aditivos químicos pode ser dispensada. É possível controlar as pragas por meios naturais, com o uso de biofertilizantes”, diz a nutricionista Odeth Oliveira, de Brasília – os biofertilizantes são compostos que envolvem o aproveitamento de ingredientes como água, esterco, restos de frutas e de verduras.



Como o cultivo de alimentos orgânicos não faz uso de agrotóxicos, a produtividade é menor. E seu preço, consequentemente, mais elevado. Se eles não couberem no seu orçamento, uma dica é, pelo menos, alternar o consumo com os itens desenvolvidos no modo tradicional. Ou, ainda, dar preferência a produtos como farinha de trigo e café orgânicos.


Isso porque, em casa, é impossível reduzir a quantidade de agrotóxico presente nesses artigos. Já com relação a frutas e verduras, a tarefa é mais simples. No caso das hortaliças, como repolho ou um talo de alface, a nutricionista recomenda a remoção das folhas externas do alimento, que acumulam maior quantidade de substâncias químicas.


Ela sugere também dar preferência a espécies da época, cultivadas em regiões próximas. “Fora da estação, a chance de um produto ter recebido cargas superiores de agrotóxicos é maior”, avalia. Outra medida básica é na hora da lavagem dos alimentos. Conforme aconselha a especialista, esfregue bem a superfície com uma esponja, deixando-os de molho em um recipiente com um litro d’água e uma colher de sopa de água sanitária.


Retirar a casca de frutas e legumes também funciona, pois as toxinas acumulam-se ali. Mas não dá para fazer isso sempre, pois há perda de vitaminas. “Não se deve deixar de consumir os alimentos por causa dos agrotóxicos. Os nutrientes que eles carregam são fundamentais para a saúde”, defende Oliveira.


O cozimento é um processo que ajuda a aliviar os efeitos dos aditivos agrícolas. No entanto, assim como em todas as dicas para inibir os efeitos das substâncias químicas, boa parte do agrotóxico que se dilui é o que está na superfície da comida. O resíduo que já penetrou no alimento será, inevitavelmente, ingerido pelas pessoas.


Nível de agrotóxicos nos alimentos


No segundo semestre de 2010, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou um monitoramento dos níveis de agrotóxicos nos alimentos. Das 20 culturas analisadas, em 15 havia a presença de substâncias que vem sendo reavaliadas pela Agência, em virtude de efeitos nada saudáveis.


Das amostras de pimentão coletadas pelo órgão, 80% tinham nível insatisfatório de agrotóxicos. Foram avaliadas, ainda, uva (56,4%), pepino (54,8%), morango (50,8%), couve (44,2%), abacaxi (44,1%), mamão (38,8%) e tomate (32,6%), entre outras. O menor índice ficou com a batata (1,2%).

avatar
Alisson
mod
mod

Mensagens : 1601
Data de inscrição : 14/07/2012
Idade : 31
Localização : Aracaju - Sergipe

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum